ATLETA EWC SPORTS TEAM É OURO NO PAN DE TORONTO

10687325_959774290753622_6631854810449439211_oA Seleção Brasileira de Basquete Masculino conquistou a medalha de Ouro nos Jogos Pan Americanos de Toronto 2015. A conquista veio após vitória sobre os donos da casa por 86 x 71 no ginásio Ryerson Athletic Centre (Toronto).

Essa foi a sexta vez na história que a Seleção Brasileira levou a medalha de Ouro no Pan, a quarta nas últimas cinco edições. E para coroar a conquista, nessa edição a equipe ganhou de forma invicta.

Dos 11 jogadores que representaram o país, um também representava a EWC Watches. O ala-pivô Olivinha faz parte do time de atletas apoiados pela marca, que tem o incentivo ao esporte como uma de suas principais características.

O JOGO

Brasil-Basquete-1024x659A partida começou muito equilibrada. O Canadá apostava no jogo dentro do garrafão explorando Anthony Bennett, draft número 1 da NBA em 2013 pelo Cleveland Cavaliers. O time de Magnano apostava nas bolas de três pontos. Quando Rafael Hettsheimeir fez a terceira, o Brasil conseguiu abrir: 16 a 11.
Com uma marcação forte em Andrew Nicholson, ala-pivô do Orlando Magic, o Canadá estacionou no placar. E o Brasil fazia uma cesta atrás da outra. No fim do primeiro quarto, a vantagem era enorme: 26 a 13.

Veio o segundo quarto e o Brasil seguia dominante em quadra. Enquanto o Canadá tinha um ataque previsível, a seleção conseguia variar com sucesso as opções ofensiva. Dez jogadores brasileiros pontuaram ao longo do primeiro tempo. Era difícil prever de onde viria o arremesso. No intervalo, a seleção vencia por 48 a 29.

Foto PrincipalApós o intervalo, o Brasil converteu uma cesta de três pontos no primeiro ataque. Era o sinal de que a seleção seguiria com a partida na mão. O Brasil chegou a ter 25 pontos de frente. Mas nos minutos finais do terceiro quarto, o Canadá passou a reagir. Uma ponte aérea de Heslip para Bennett levantou o torcedor. Os canadenses passaram a marcar sob pressão e diminuíram o placar: 67 a 54.

O Brasil começou o último quarto sob pressão apesar dos 13 pontos de vantagem. A torcida canadense tentava empurrar o time, que já não tinha em quadra Andrew Nicholson eliminado com cinco faltas. Com duas bolas de três de Jamal Murray e de uma cesta seguida de falta de Dillon Brooks, o Canadá voltou para a partida faltando ainda sete minutos no relógio: 69 a 63.

O jogo ficou mais pegado e físico, com muitas faltas. Benite, que tinha nove pontos e sete assistências, fez a quinta falta e também foi eliminado. A partir daí, a técnica ficou em segundo plano e o Brasil foi na raça. Lutando por todas as bolas, a seleção foi conseguindo esfriar a reação canadense. E voltou a dominar a partida. No fim, 86 a 71 para o Brasil. E mais uma medalha de ouro.